Page Nav

HIDE

Classic Header

{fbt_classic_header}


Breaking News:

latest
"rías baixas tribuna") Por el final de las absurdas fronteras (políticas, sociales, económicas...) que aún subsisten entre España (singularmente Galicia) y Portugal...y que tanto perjudican a la ciudadanía ibérica

Sporting Clube de Braga. Los puntos puestos sobre las íes a cargo del profesor Costa

"RIAS BAIXAS TRIBUNA" es una web que funciona sin ánimo de lucro alguno.  Es de agradecer el interés que muestras por esta opción....

"RIAS BAIXAS TRIBUNA" es una web que funciona sin ánimo de lucro alguno. Es de agradecer el interés que muestras por esta opción...

En el acreditado portal deportivo en Internet, ZeroZero, cada semana escribe el profesor António Costa, socio y adepto contra viento y marea del Sporting Clube de Braga, además de un magnífico profesor de enseñanzas medias, personaje culto y afable, al que  mucho apreciamos desde hace ya casi tres lustros. Como antaño en "O Minho Desportivo" y en "Record", leemos a nuestro António Costa cada semana en ZeroZero, donde muestra su indudable amor al Braga, manifestado al lado de razonamientos sensatos y no exentos de lógica y bases fundadas. Tomamos buena nota de lo que dice y, con la debida venia, posteriormente, hacemos presentes sus apontamentos en el apartado de Ocio / Deportes / Sporting de Braga, de RBT.

O SÍTIO DOS GVERREIROS
António Costa

Começou na Trofa um caminho difícil


"O sítio dos Gverreiros” é uma coluna de opinião do zerozero.pt, de assuntos relativos ao SC Braga, na perspetiva de um olhar de adepto braguista, com o sentido crítico necessário, em busca de uma verdade externa ao sistema.


FRANCISCO MOURA

O jovem Gverreiro Francisco Moura viveu emoções fortes nos últimos tempos,
tendo passeado classe no estádio da Luz, onde marcou dois golos que jamais esquecerá, e quando parecia que o caminho do sucesso estava muito mais iluminado eis que surge o infortúnio de uma lesão grave e 
inoportuna, como são certamente todas as lesões. Moura, que Carlos Carvalhal fez questão de manter no plantel, é forte e regressará por certo com a vontade de reencontrar o caminho da felicidade e do êxito que caracterizam um Gverreiro. Os meus votos de uma recuperação plena e no tempo certo, pois as coisas devem acontecer sempre no tempo próprio.
 
O SC Braga começou na Trofa um caminho que se antevê difícil, mas que pode terminar bem, na Taça de Portugal. Mas nesta competição a sorte é muito importante, pois os sorteios podem criar caminhos mais ou menos acessíveis. Aguardemos pelo futuro, pois o presente fez-se de um triunfo complicado no terreno do Trofense. 
Para o jogo da Trofa o técnico bracarense não foi de modas e apenas procedeu a duas alterações no onze que vencera na Luz, deixando Matheus a descansar, por opção, e estreando Tiago Sá. A outra mexida foi forçada pela referida lesão de Moura, tendo entrado Abel Ruiz para o seu lugar. Aliás, seria mesmo o jovem espanhol a inaugurar o marcador, perto do intervalo, dando justiça ao marcador, num momento de homenagem coletiva ao colega azarado ausente. 
O segundo tempo começou com um penalti ridículo, que o árbitro decidiu assinalar, e que deu ao Trofense a igualdade, de modo surpreendente. Até final, houve algumas chances claras de golo desperdiçadas, até que Galeno marcou o golo da vitória, já nos descontos, após uma boa jogada coletiva. 
Uma palavra para o bom jogo da equipa da Trofa, que parece bem orientada por um treinador jovem, cuja lucidez, competência e honestidade, lhe permitem acalentar a ambição de em breve subir patamares na sua carreira.
 
O jogo, tão disputado, merecia ter um árbitro de qualidade superior. Bem sei que falar de arbitragem contra um adversário que joga dois escalões abaixo não é positivo, mas a fraca qualidade exibida teria recomendado um cuidado acrescido na nomeação de alguém mais competente. 
O objetivo de seguir em frente foi atingido, sem brilhantismo, mas com justiça, ainda que se lamente algum desgaste indesejado para a fase intensa de jogos que se segue. 

Paulinho regressou a Braga, depois de ter participado em três jogos da seleção, todos incompletos, e ter marcado dois golos na sua estreia, o que faz com que ele guarde a camisola utilizada, como ele próprio referiu à NEXT, o canal de televisão do clube. Foi um regresso revigorado na autoconfiança, ainda que até tenha estado infeliz na finalização, mas o futuro promete, de cabeça limpa e de motivação reforçada.
 
Agora não há tempo a perder, pois nos próximos sete dias há as visitas do Leicester, na quinta-feira para a Liga Europa, e do Farense, no domingo, à Pedreira, onde a vitória será determinante para manter o atual segundo lugar, importante na decisão do adversário a defrontar, em dezembro, na Taça da Liga. 
Falando em classificação não se entende a persistência do jornal OJOGO em manter errada a classificação, à luz dos regulamentos atuais das competições, numa insistência inaceitável de informar mal os seus leitores. Lamentável, mas nada que espante em Portugal, uma vez que não é uma situação isolada.

El profesor Costa

Prensa española :

Portadas de Prensa española están al final