Distinguen a Teatro Circo, de Braga, con certificación del "TOP 5% MELHORES PME DE PORTUGAL”






















A TEATRO CIRCO DE BRAGA, EM, S.A. foi distinguida pela Scoring com a Certificação "TOP 5% MELHORES PME DE PORTUGAL”, edição 2020, que determina quais as empresas que se enquadram no restrito grupo das melhores 5% em termos de desempenho e de solidez financeira. A Scoring certifica que a empresa cumpriu os requisitos de acesso à certificação e obteve, de acordo com o método ScorePME e no exercício fiscal de 2019, um Índice de Desempenho e Solidez Financeira superior a 80%, evidenciando ainda consistência nas vertentes económica e financeira.
Em conformidade, obteve Notação SCORING "EXCELENTE" ("NS 5"), o que lhe confere em termos de sustentabilidade económico-financeira, a distinção “TOP 5% / 2020” referida.
A Scoring, entidade que atribui a distinção, elogia ainda a equipa de gestão e colaboradores da Teatro Circo de Braga EM SA pela «excelência da gestão operacional e financeira», fazendo votos para que esta certificação «seja um estímulo para que continuem a elevar a empresa a um nível superior».
Destacando a importância desta distinção para uma empresa de administração local, uma vez que esta classificação se baseia exclusivamente em critérios económico-financeiros, Daniela Queirós, Diretora de Gestão da Teatro Circo de Braga EM, S.A salienta o orgulho por esta distinção «que é fruto do trabalho de uma administração visionária e de uma equipa de uma enorme competência e integridade, fortemente comprometida com um projeto que faz a magia acontecer sempre que o pano sobe».

A Teatro Circo de Braga, EM, S.A. é uma empresa centenária que durante quase toda a sua existência se dedicou em exclusivo à gestão do Theatro Circo, equipamento cultural de referência da cidade de Braga. Hoje em dia assume-se como um importante instrumento ao serviço da cidade para a implementação da sua política cultural, trabalhando em complementaridade com o Município. Atualmente é responsável pela implementação do projeto Braga Media Arts, no âmbito da atribuição a Braga em 2017 da categoria de Cidade Criativa da Unesco neste domínio, e pela coordenação da candidatura de Braga a Capital Europeia da Cultura 2027. No final de 2020 a empresa alargou ainda mais o seu âmbito de atuação, passando a gerir o espaço Gnration, estrutura de referência nacional nos domínios da música contemporânea e da relação entre arte e tecnologia.









No hay comentarios:

Publicar un comentario

Nota: solo los miembros de este blog pueden publicar comentarios.