18 dezembro, Igreja Matriz de Ponte de Lima : Concerto de Natal de "Na Rota do Peregrino Ensemble"

Dum pater familias, Anonimo, Codex Calixtinus, interpretado pelo Na Rota do Peregrino Ensemble, na Igreja Matriz de Ponte de Lima, no Concerto de Natal de 2018, a finalizar o II Encontro de Música Medieval de Ponte de Lima "Caminho Português de Santiago".
Serve de apresentação para o Concerto de Natal do presente ano, que resultará do IV Encontro de Música Medieval de Ponte de Lima "Caminho Português de Santiago", também pelo Na Rota do Peregrino Ensemble, na próxima sexta-feira, 18 de Dezembro, às 21h00, na Igreja Matriz de Ponte de Lima, intitulado Judicii signum | Profecias, canções e danças do Natal medieval

Sobre o programa do Concerto do presente ano:
Judicii signum | Profecias, canções e danças do Natal medieval
Durante a Idade Média, o canto e a dança sempre estiveram presentes na expressão da Alegria de Natal. Estas eram interpretadas por clérigos e menestréis dentro e fora de mosteiros e igrejas. A temporada também permitia a quebra de certas regras sociais e religiosas. Essa flexibilidade manifestava-se em composições de grande virtuosismo e irreverência que dividia o espaço com a música mais piedosa. Entre as peças mais emblemáticas que foram interpretadas na Península Ibérica e na França durante o período de Natal estava o chamado “Judicii signum”, também conhecido como Canto da Sibila, uma composição cujas letra é uma profecia sobre o Fim do Mundo e o retorno da Luz, através da segunda chegada de Cristo. Esta profecia foi registada pela primeira vez pelo bispo grego Eusebius de Caesarea e mais tarde traduzida para o latim por Santo Agostinho, base do desenvolvimento da obra musical.
Neste programa, Na Rota do Peregrino Ensemble apresenta uma colecção requintada de canções e danças de Natal que incluem composições em latim e galaico-português, incluindo algumas Cantigas de Santa Maria de Alfonso X que pressagiam a chegada do Messias e a Adoração dos Magos. O repertório principal é a famosa canção da Sibila, com o seu poderoso presságio sobre o apocalipse e o retorno do messias.

Na Rota do Peregrino Ensemble :
Mauricio Molina (Direcção artística e percussão)
Daniela Tomaz (Direcção, flauta, percussão)
Abigail R. Horro (Soprano, harpa)
Mariana Fabião (Mezzo)
Joana Godinho (Mezzo)
Enrique Pastor (Tenor, cítola)
Thiago Vaz Cruvinel (Tenor)
Jorge Luís Castro (Barítono)
Thiago Vaz Cruvinel (Tenor)
Juliette Primrose (Fídula medieval)
Carme Mampel (Órgão portativo)






No hay comentarios:

Publicar un comentario

Nota: solo los miembros de este blog pueden publicar comentarios.