Peneda-Gerês, A Mezquita, Río d´Onor...) Aparecen más lobos muertos. Câmara de Melgaço hace un llamamiento

O Município de Melgaço lançou esta quarta-feira um apelo à população no sentido de proteger o lobo ibérico. O gesto da autarquia surge após dois lobos-ibéricos ter sido encontrados mortos perto da aldeia de Xertelo, Montalegre, no Parque Nacional Peneda-Gerês, em circunstâncias que estão a ser investigadas pelo Serviço de Proteção da Natureza e do Ambiente (SEPNA).

Nas últimas horas, um outro exemplar da mesma espécie foi também encontrado morto na zona de Rio de Onor, Bragança, e ainda outro na zona galega de A Mezquita (Ourense)

O Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) disse já ter sido informado destes tres cadáveres de lobo encontrados em territorio português e que comunicou as ocorrências ao Ministério Público (MP).

O ICNF especificou, em comunicado, que o alerta para os lobos mortos foi dado na segunda-feira e que os cadáveres foram encontrados na zona da freguesia de Cabril, concelho de Montalegre, distrito de Vila Real, e outro na zona de Rio de Onor, concelho de Bragança.

As ocorrências foram comunicadas ao Ministério Público, nas comarcas de Vila Real e Bragança. O lobo-ibérico é uma espécie protegida e possui em Portugal, desde 1990, o estatuto de ameaça de “em perigo”.

O ICNF acrescentou que foi, de imediato, ativado o protocolo estabelecido no âmbito do Sistema de Monitorização de Lobos Mortos, protocolo que envolve o ICNF, GNR, Ministério Público e Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária (INIAV).

De acordo com o instituto público, as equipas do Serviço de Proteção da Natureza e do Ambiente (SEPNA), da GNR, e os vigilantes da natureza presentes no terreno “desencadearam uma série de procedimentos de investigação, bem como a recolha dos cadáveres que foram entregues ao INIAV para necropsia”.

O lobo ibérico está protegido a nível Internacional pela Convenção de Berna (espécie estritamente protegida), pela Diretiva Habitats (espécie prioritária) e pelo CITES – Convenção sobre o Comércio Internacional de Espécies da Fauna e da Flora Selvagem Ameaçadas de Extinção (espécie potencialmente ameaçada). Em Portugal está protegido pela Lei de Proteção do Lobo Ibérico (Lei n.º 90/88 de 13 de agosto e Decreto-Lei n.º 139/90 de 27 de abril).

Desde 1990 que, em Portugal, possui o estatuto de ameaça de “em perigo”. Estima-se que na Península Ibérica existam cerca de 2000/2.500, dos quais 300/400 em território português.

Leer también :  https://www.riasbaixastribuna.com/2021/02/peneda-geres-una-triste-historia-de.html

Uno de los lobos que apareció muerto en Cabril


No hay comentarios:

Publicar un comentario

Nota: solo los miembros de este blog pueden publicar comentarios.