La epístola semanal que el escriba del SC Braga envía a los adeptos arsenalistas

 Bom dia, Gverreiros!

O fim de semana foi marcado pelos jogos das seleções nacionais, mas nem isso desviou o foco da Legião. O futebol feminino do SC Braga demonstrou toda a sua classe com uma contundente vitória frente ao Boavista (7-0) e, nas modalidades, o destaque recaiu nos triunfos do futsal, do basquetebol e do bilhar.

A equipa de Paulo Tavares demonstrou ter a lição bem estudada e estreou-se a vencer na Liga Placard diante do Caxinas (3-1). Já o basquetebol do SC Braga seguiu em frente na Taça de Portugal, ao derrotar a Juventude Pacense por 98-44. Por último, a pontaria afinada de João Roque, Joaquim Cardoso, David Alcaide, Dário Freitas e Francisco Sanchez Ruiz valeu duas vitórias na dupla jornada de abertura do Campeonato Nacional de Equipas de Pool, da 1ª Divisão de Bilhar.

Para lá dos relvados, pavilhões e mesas de bilhar, a semana ficou igualmente marcada pela divulgação das contas do Clube. No Relatório e Contas referente a 2019/20, o SC Braga apresentou um lucro histórico de 22 milhões de euros! Este número mais não é do que o fiel espelho de uma rigorosa gestão desportiva e financeira, com enorme capacidade de valorização dos ativos e que apresenta todas as condições para continuar a produzir resultados amplamente positivos.

Mas, desenganem-se todos aqueles que agora entendem que o SC Braga irá entrar numa fase de ‘aventurismo populista’. É certo que a almofada financeira trazida da época passada permitiu-nos segurar alguns dos ativos mais importantes nesta fase da temporada, priorizando claramente a vertente desportiva.

Mas iremos manter uma linha de investimento consciente, apostando na valorização do plantel, no progressivo crescimento do Clube e na formação, evolução e afirmação dos nossos jovens. E é neste ponto específico que reside o presente e o futuro do SC Braga. É no contínuo desenvolvimento da Cidade Desportiva que assentam as bases para o Clube atingir patamares de exigência ainda mais elevados.

Este é o nosso caminho. E, por muitos processos disciplinares que nos coloquem (estaremos atentos e vigilantes para perceber se o critério será igual para todos os clubes), a ‘Voz da Legião’ irá fazer-se ouvir esta temporada. Em todas as newsletters, pavilhões, estádios e relvados. Juntos. Sempre!


Sequeira: O trabalho compensa sempre... Sequeira é o exemplo disso mesmo! O lateral-esquerdo foi recompensado com a chamada de Fernando Santos para os compromissos internacionais de Portugal. Em constante destaque no SC Braga, o Gverreiro do Minho aguarda agora a estreia com a camisola das Quinas.

Rayanne: A lateral-direita do SC Braga foi convocada para a seleção brasileira (8ª do Ranking Mundial). Rayanne é uma das peças-chave da formação liderada por Miguel Santos e terá a oportunidade de evoluir com algumas das melhores jogadoras do Mundo.

Solidariedade: O SC Braga marcou presença na apresentação do projeto “A Nossa Sala” da Liga de Amigos do Hospital de Braga e foi um dos Mecenas desta organização, que teve como objetivo proporcionar melhores condições de internamento aos doentes. Para além disso, a equipa principal do SC Braga uniu-se para ajudar o Tomás, que luta contra uma doença oncológica. Jogadores e treinadores assinaram duas camisolas, uma para a criança e outra que será leiloada, revertendo o valor angariado para ajudar a pagar os dispendiosos tratamentos a que o Tomás terá de ser submetido.