Las "festas Covid" llevan -cuando menos- a internar a 8 estudiantes en Guarda y anular los exámenes presenciales

Estudiantes mayorzotes irresponsables. Van a "fiestas-Covid", apañan y... ya está montada. Llega la noticia -una más de este tipo- desde Guarda, Portugal. Alumnos del Politécnico... gente que debería tener dos dedos de frente pero que, a la vista está, no son más que peligrosos irresponsables...

O Instituto Politécnico da Guarda suspendeu os exames presenciais, transferindo-os para as plataformas digitais, após ter conhecimento da existência de estudantes infetados com covid-19. Há oito estudantes internados e registo de "festas covid" na cidade.
"A decisão deve-se às informações transmitidas, sábado à noite, pela Unidade Local de Saúde (ULS) da Guarda de que há estudantes do IPG que testaram positivo à covid-19, tendo oito ficado internados no hospital por não terem nos respetivos alojamentos condições para estarem em isolamento durante o período de quarentena", refere o IPG, em comunicado enviado à agência Lusa.
Segundo a nota, os estudantes foram infetados fora das instalações: "Segundo as informações transmitidas ao IPG, uma parte dos contágios terá ocorrido em 'festas covid' realizadas na Guarda, à semelhança do que terá ocorrido noutras cidades com estabelecimentos de ensino superior. Nessas festas o convívio dos jovens terá decorrido sem cumprir as recomendações das autoridades de saúde".
"Apesar de não termos nenhuma evidência de qualquer contágio ocorrido dentro das instalações do IPG, o súbito aparecimento de estudantes que testaram positivo obriga-nos a mudar os planos feitos de acordo com as diretivas do Ministério do Ensino Superior, suspendendo os exames presenciais e passando-os a 'online'", afirma Joaquim Brigas, presidente do IPG.
Lo de siempre : pagan justos por pecadores.

In Jornal de Notícias



Artículo Anterior Artículo Siguiente